Quem sou eu

Minha foto
Além de algo mais sério, entre o riso e a cerveja.

quarta-feira, 3 de fevereiro de 2010

A saga para uma noite

Galerinha do mal, belê? ;)
Demorei pra voltar porque estava de mudança e tals e a confusão foi generalizada. Me mudei da casa 22 para a 7. Ótimo, não? Mas de qualquer forma correu tudo bem [tirando que os caras da mudança iam me cobrar 350 reais para levar os móveis sem levar a cristaleira da minha avó... carreguei tudo, inclusive geladeira, camas, armários, cômodas...]
Nessa coisa de mudança tenho bebido todos os dias, surreal. E passei 4 dias bêbado aqui em casa 'me preparando para o carnaval'. A cirrose é uma companheira doida pra me fazer uma surpresa.
Sei que nessa loucura fique uma semana sem ver meu namorado. Estavamos a uma semana antes sem transar, ou seja: duas semanas.
Ele veio pra cá, quarto novo, doidos pra estrear, só que com essa mudança muita confusão e cansaço no final do dia. Muito cansaço. Me sentia muito, enquanto carregava móveis no calor, um integrante do Survivor Brazil [da versão que teve no Tocantins]. Sem previsão de alimentação, com água quente e fazendo muito esforço para no final do dia terminar cansado e fedido [AAAARRRGHHH!!!!]. Isso dificultava nossa noite, porque parecia que eu tinha passado o dia todo malhando e acordava com dores no corpo bizarras.
Quando deu uma acalmada nos móveis pesados, já estávamos relaxados e prontos para a noite. Isso já tinham passado 4 dias. Meu amigo Rafa liga falando que vai vir pra cá, está em depressão por causa do término, quer conversar e tals. Sou eu que vou recusar? "Claro que você pode vir, querido. De noite eu e meu namorado pegamos o carro e te levamos pra sua casa que fica no fim do mundo." Ele veio e foi uma tarde super agradável, na medida do possível.
Só que de noite meu namorado bebeu e não podíamos levá-lo de carro. Dormiu aqui.... Mais um dia
Dia seguinte ele foi embora. A noite seria nossa... isso se Nanda não tivesse ligado: "Bruno, aconteceu algo bizarro aqui, to na casa do meu namorado e não posso voltar pra minha. Posso dormir aí?" Tá, né! E adorei ela ter feito isso!
A noite seguinte viria mesmo...
Na noite seguinte meu namorado teve que voltar pra casa. Droga!
Voltou dia seguinte, e quando tudo estava perfeito para acontecer o Rafa liga de novo, querendo me ver que estava mal.
Eu sei que nessa brincadeira foi mais uma semana, e eu já estava morrendo!
Quando finalmente conseguimos, meu namorado sentia dores e não rolou.

Sério, o mundo conspira para o meu celibato?

Depois eu desabafo com vocês sobre o estado do meu amigo Rafa e como ele não anda deixando eu fazer algo com a minha vida...

Ah, sim: Jacinto, eu tenho 20 anos e não 16 rs. O que é uma confusão comum já que me pedem identidade até no motel...
E, não, eu não achei a minha sunga: ela sumiu mesmo!

9 comentários:

  1. Olá Bruno
    Já estava sentindo falta dos seus casos hilarios. Olha, ontem foi dia de Yemanjá, convém você pedir pra ela (ainda deve valer) pra dar uma mãozinha, porque a coisa tá feia pro seu lado.
    Bjux

    ResponderExcluir
  2. eu nem vou dizer nada

    naum fui eu q parei pra fazer sexo no meio da rodovia... mas tudo bem
    kkkkkkkkk

    só conto que a ultima vez q fiz sexo foi em outubro

    ResponderExcluir
  3. nussa... mudança é um saco, odeio.

    mas arranja um tempinho para uma trepadinha... é bom para relaxar e gozar...rs

    bjx

    ResponderExcluir
  4. Aiiii... estamos em situações parecidas... não faço sexo já tem 3 semanas ¬.¬ Tudo por falta de oportunidade também, porque vontade é o que não falta, odeio isso!

    ~Enfim, adorei seu retorno.. até a próxima, ah, tem coisa nova no meu blog, hein!

    *DB*

    ResponderExcluir
  5. Que situação! Vc vai arrumar um tempo pra acabar com essa "Seca".

    E espero q os problemas de seu amigo se resolvam.

    Ah! Mudança é um saco mesmo!

    Bjs!

    ResponderExcluir
  6. Bruno safado..hhehe
    nuu vc tmb nao perdoa o tempo ne..20 anos e nao perde tempo...ouu sera que eu q to ficando velho???hehehehhe


    aii voltou e ver se nao some..

    abraços

    ResponderExcluir
  7. Ninguem merece amigos empata-foda hauhauauhauh.. pow, mas uma rapidinha deu pra fazer ne? rss

    Abracos

    ResponderExcluir
  8. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  9. chorei de rir aqui.... outro dia na colaçao da med aki em BH gritaram o apelido de uma das formandas: chucaaaaaaa! Olhei prum lado e pro outro e disse pra minha amiga: esse povo gritando enema no meio da formatura nem dá!

    ResponderExcluir

"frente a uma sociedade e uma linguagem reificadas, o indivíduo afirma dolorosa, agressiva ou humoristicamente sua diferença"
Theodor Adorno